Carregando... Aguarde...







Informativo


ESCOLA DOMINICAL 24 DE JANEIRO 16 - CLASSE 1

Valor:
R$19.00



Descrição

(1) A mensagem do Reino de Deus: A sua mensagem é levar a paz e a sua missão é curar e libertar enfermos. Lucas 10:6: A mensagem do obreiro da primeira comissão: A paz somente repousa sobre os filhos da paz. A paz é viva, ela volta à sua origem. Não deixe de dormir porque duas ou três pessoas não gostam de você, pois deve haver duas mil que o amam. Não perdemos nada se ninguém nos escutar, porque a paz volta para a sua fonte. A paz é um fruto de Deus e fruto de Deus não se perde. Lucas 10:7: Não devemos passar a vida inteira trocando de liderança e de ministério ou de igreja. Isto é um prejuízo para o obreiro na sua primeira comissão. Sempre haverá pessoas ruins onde quer que estivermos. Devemos saber lidar com todos os tipos de pessoas, temperamentos e tipos de caráter. A provação da primeira comissão ocorre por ocasião da provisão da alimentação e para provar o poder de sua tolerância. O salário do obreiro da primeira comissão é o seu alimento. Toda cortina é maior do que o espaço que ela ocupa. Deus sempre nos colocará em espaços em que nossa capacidade sobra para provar a nossa humildade. Os anjos que podiam voar ou se locomover subiam e desciam na escada de Jacó. Há momentos nos quais nos desesperamos, mas a nossa ética e a nossa santidade está sendo provada. Aqui Jesus chama de salário a comida e a bebida que o obreiro da primeira comissão recebe. O Senhor está dizendo que o obreiro da primeira comissão é digno de seu salário. O seu salário é a sua comida. Pois, na primeira comissão, ele está sendo provado. Lucas 10:8: Sabendo que, como israelitas, eles não comiam qualquer coisa, pois havia cidades que não respeitavam a Lei. Mas o respaldo de Jesus rompia todas as limitações de suas tradições, preparando-lhes para a pregação do Evangelho aos gentios. Jesus estava dando-lhes cobertura e respaldo para esta nova cultura.

Lucas 10:9: A cura de enfermos é uma das grandes atrações para a pregação do Evangelho do Reino de Deus. Jesus não limitou o ministério do obreiro da primeira comissão. Ele não ordenou que curassem somente determinado tipo de pessoas, mas a todos os enfermos que ali houvesse. Na primeira comissão, a credencial é salvação e milagres. Ele não mandou ensinar, pois ele somente autorizará o ensino no final da segunda comissão, quando ele dirá: “Ide e fazei discípulos”. Na primeira comissão, ele nos prova, pois somos ovelhas no meio de lobos; as que voltarem vivas serão honradas; não se discute Bíblia, não se tem mensagens longas, não há exposição ministerial: Mas deve haver salvação e milagres. Jesus lhes ensinou a ir e pregar, salvar e curar enfermos.

Lucas10:10-11: A mensagem da primeira comissão é pregar o Evangelho do Reino de Deus. O Evangelho do Reino de Deus é cura, é milagre. Na primeira comissão o ministério é provado em lugares longínquos. A primeira comissão não é enviada à cidade, mas aos campos. Mas as cidades que não receberem o obreiro da primeira comissão estariam sob o julgamento de Deus, após terem recebido a sua oportunidade. (2) A chegada do Reino literal: A nossa reunião com ele será o encontro para as Bodas do Cordeiro. As bodas do Reino são as festividades de recebimento da Igreja como esposa do Cordeiro no Reino. Entre os Judeus havia três etapas para o casamento pleno:

(1) O Compromisso, o que equivale à promessa de casamento entre os gentios. Este compromisso era familiar e sério.

(2) O Contrato, o qual tinha efeito legal. Equivalia ao casamento feito em Regime Civil, onde ambos eram desposados, mas não podiam viver juntos até a festa das bodas. As bodas equivaliam ao recebimento da esposa pelo esposo em casa. Era a última etapa e equivalia ao nosso conhecido casamento religioso, e culminava com o recebimento da esposa na casa do esposo! As bodas do Cordeiro serão as etapas de recebimento dos homens e mulheres que foram redimidos por Jesus, no próprio Reino de Deus. A nossa reunião com ele dará começo à Grande Tribulação, isto é, o início da retirada de Satanás da Terra, o começo das dores. A nossa reunião com ele dará início ao reinado do Anticristo; dali em diante o seu reinado será proclamado de uma maneira muito sutil. A nossa reunião com ele dará início à purificação e à transformação da terra, à redenção completa da alma, do corpo e da natureza. Será o começo de muitas coisas. Já a segunda vinda de Cristo, que será no final da Grande Tribulação, sete anos depois da nossa reunião com ele, culminará com a retirada final de Satanás da terra; será o fim das dores, o fim do reinado do Anticristo e do governo dos homens. Será o fim da rejeição de Israel, o fim do gemido da natureza, o fim de muitas coisas. “Então o fim” culminará na segunda vinda de Jesus. O arrebatamento será o começo do fim, pois a nossa reunião com ele será antes da Grande Tribulação (1 Ts 5:9; 2 Ts 2:7; Ap 3:8,10,11). Por que o fim é o Dia de Cristo? Vejamos as características do Dia de Cristo: Será depois da aparição do iníquo (1 Ts 2:3); será depois da apostasia (Mt 24:10-12; 2 Ts 2:3); será depois da manifestação do homem do pecado (Mt 24:9-14), na Grande Tribulação (2 Ts 2:3,4). Será depois do arrebatamento da Igreja. A Igreja é o sal que detém o Espírito Santo na terra, e é o obstáculo à propaganda do ministério do erro (2 Ts 2:11). Será o dia do juízo das nações, da Besta e do Falso Profeta e o dia da prisão de Satanás. Será um dia de juízo especial no qual o sol não dará sua luz (Lc 2:30,31). Será o dia da chegada com poder e justiça do Reino de Deus (Dn 7:13,14). Será o dia da vingança de nosso Deus (Is 61:2)
Daniel 2:45: Porquanto tu viste que uma pedra era lançada da montanha com auxílio de uma mão invisível, e que reduzia em pedaços o ferro, o bronze, o barro, a prata e o ouro, quer dizer que o grande Deus deu a conhecer ao rei o que acontecerá nos tempos futuros. O sonho é verdadeiro e fiel é a sua interpretação”.
O reconhecimento de Nabucodonosor
de que o Deus de Daniel era o Deus verdadeiro
Daniel 2:46: Então, o rei Nabucodonosor prostrou-se com o rosto em terra, diante de Daniel; em seguida, ordenou que lhe oferecessem oblações e incenso.
Daniel 2:47: Então, o rei falou a Daniel: “Certamente que o teu Deus é verdadeiramente o Deus dos deuses, o Senhor dos reis e o Revelador dos mistérios, pois vi que só tu pudeste revelar este segredo”.


DR ALDERY NELSON / WWW.MEUJESUS.COM.BR / BíBLIA ALPHA - Faça seu bacharel livre conosco.

Escreva seu próprio comentário para o produto

Comentários

Este produto não recebeu nenhum comentário até agora. Aproveite e seja o primeiro !

Adicionar na lista de favoritos

Clique no botão abaixo para adicioná-lo ESCOLA DOMINICAL 24 DE JANEIRO 16 - CLASSE 1 para sua lista de favoritos.

Você visualizou recentemente...